Assine a nossa newsletter em http://bit.ly/newstecnopoliticaO podcast Tecnopolítica chegou ao episódio 50! Há 1 ano e meio, postamos nosso primeiro episódio e partimos para desvelar os condicionamentos, as determinações e as ambivalências políticas, econômicas e sociais presentes nas tecnologias. Foram diversas convidadas/os que contribuíram com nossas reflexões e aprendizados nesse período. Estamos muito felizes por termos iniciado e mantido essa jornada de enfrentamento da alienação técnica.Neste episódio, recebemos a filósofa e militante do movimento negro, Sueli Carneiro, para discutir com o pesquisador, Tarcízio Silva, o tema da tecnologia e do racismo. Ao longo do bate-papo, passamos do debate da ambivalência das tecnologias para o racismo ampliado pelos sistemas algorítmicos. Como bem lembrou Sueli Carneiro, a ciência moderna tem em sua origem a prática do racismo. A base do pensamento universal do europeu colonizador excluía os povos africanos e as diversas cosmologias ameríndias e asiáticas. Mas e as tecnologias atuais? O Big Data? As estruturas de dados? Elas são neutras? Em um planeta estruturalmente racista, a neutralidade não estaria reproduzindo e até ampliando as discriminações baseadas na cor da pele e nas etnias? Essas são algumas das perguntas que levantamos e começamos a tentar responder no episódio 50.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *