Tecnopolítica #58: Os perigos da rastreabilidade de mensagens

Assine a nossa newsletter em http://bit.ly/newstecnopoliticannNeste episódio, Sergio Amadeu conversa com Diego Canabarro, cientista político, pesquisador e gerente sênior de políticas públicas na Internet Society. O tema da conversa girou em torno da rastreabilidade de mensagens nos aplicativos como Whatsapp. Para viabilizar essa função, a plataforma desse serviço deverá armazenar todas as mensagens por um determinado período e depois guardar por mais tempo aqueles conteúdos que ultrapassassem um certo número de replicações. Além de quebrar o princípio da presunção de inocência, esse dispositivo coloca em risco os movimentos sociais, o jornalismo investigativo e os direitos humanos. Assim, as autoridades competentes poderão exigir que a plataforma identifique e detecte as relações de quaisquer usuários durante o período de armazenamento. Além disso, Diego Canabarro expõe a ineficácia desse mecanismo para o combate à desinformação e outros graves riscos para a comunicação democrática. Imperdível.

Tecnopolítica #57: Liberdade de expressão é liberdade de agressão?

Assine a nossa newsletter em http://bit.ly/newstecnopoliticannNeste episódio, Sérgio Amadeu conversa com Danilo Doneda, advogado, professor e Phd em Direito Civil, indicado pela Câmara dos Deputados para integrar o Conselho Nacional de Proteção de Dados. Diante da onda de desinformação, da disseminação do discurso de ódio e das agressões e microagressões praticadas nas redes, a conversa tratou dos limites da liberdade de expressão, sua relação com o anonimato e com a proteção de dados. Danilo defende que o bloqueio das contas de “haters” no Paypal, defendida pelo “Sleeping Giants” não fere a liberdade de expressão. Imperdível.

Tecnopolítica #56: A geopolítica do lítio

Assine a nossa newsletter em http://bit.ly/newstecnopoliticannNeste episódio, Sérgio Amadeu conversa com Bernardo Salgado Rodrigues, doutor em Economia Política Internacional e autor do livro ‘Geopolítica dos recursos naturais estratégicos sul-americanos’. Ao longo da conversa, Bernardo explicou a importância estratégica do Lítio para as tecnologias informacionais e quem disputa esse minério na região. A América do Sul detém aproximadamente 2/3 das reservas mundiais de lítio, localizada, principalmente, na Bolívia. nA conversa passou pelas implicações políticas, pelo controle e pela exploração dessas reservas e tratou do golpe da Bolívia e qual sua relação com o lítio.

Tecnopolítica #55: Confronto tecnológico China X EUA

No episódio #55, Sergio Amadeu conversa com Demétrio Gaspari Cirne de Toledo, professor e pesquisador de Relações Internacionais na UFABC. A conversa traçou os cenários das batalhas comerciais e políticas travadas em torno do avanço tecnológico chinês. Não somente nas telecomunicações, no 5G, os EUA estão sendo acossados pela performance da tecnologia chinesa. No comércio eletrônica, na computação quântica e, agora, nas redes sociais com o Tik Tok, a China passa a ser um competidor em escala Global. Os EUA abandonam o discurso liberal da disputa no terreno da economia e parte para retaliações e articulações políticas. A temperatura se eleva e a tensão cresce.

Tecnopolítica #54: A Amazônia e o Novo Colonialismo Digital

Assine a nossa newsletter em http://bit.ly/newstecnopoliticannNeste episódio do Tecnopolítica, Sergio Amadeu conversa com Jader Gama, pesquisador do Núcleo de Altos Estudos da Amazônia da UFPA, sobre o processo de extração de dados da Amazônia. Não somente dados de pessoas, populações, mas também dados de plantas medicinais, práticas ancestrais e seres vivos estão sendo digitalizados e mapeados. A nova face da exploração colonial se dá com tecnologias cibernéticas. A conversa tratou das novas faces da colonialidade em um capitalismo de dados que avança na identificação e saque dos bens simbólicos dos povos da floresta e de tudo que possa se tornar um actante precificável para os donos do Capital.

Tecnopolítica #53: Identidade Digital entre o direito e a vigilância

Neste episódio Sergio Amadeu conversa com Alexandre Barbosa, engenheiro e pesquisador do Instituto de Tecnologia e Sociedade (ITS-RJ) sobre os tipos de identificação, a importância do registro de identidade para a constituição de uma cidadania inclusiva e para a proteção social. O episódio também tratou dos perigos de vigilância e controle a partir da identificação e da relação entre identidade digital e a proteção de dados pessoais.

Tecnopolítica #52: Pandemia, biopolítica e tecnologia

Neste episódio, Sergio Amadeu conversa com Ricardo Teixeira, médico, professor e pesquisador do Departamento de Medicina Preventiva da USP. Em meio ao crescimento do número de mortos pela covid-19, vivemos uma aparente política caótica de abertura do comércio e de um “novo normal”. No bate-papo, a narrativa sobre o papel do saber e do poder médico são retomados e o debate perpassa sobre as características atuais da biopolítica (estratégias de gestão dos viventes), que poderia ser nomeada como necropolítica (política da morte adotada pelo Estado). nRicardo Teixeira indica que a biopolítica não é errática e que visa o objetivo de manter leitos de UTI próximos ao esgotamento e equipes do SUS em permanente estresse. Não se busca evitar o contágio e o bem-estar da população. A política adotada por alguns governos e prefeituras é a de manter um número de leitos de UTI desocupados para que as pessoas não morram em portas de hospitais. Por isso, Ricardo afirma que “o direito a respirar foi substituído pelo direito ao respirador”.

Tecnopolítica #51: Direito ao esquecimento e memória coletiva

Assine a nossa newsletter em http://bit.ly/newstecnopoliticannNo episódio #51, Sérgio Amadeu conversa com Luiz Fernando Marrey Moncau, mestre e doutorando em Direito Constitucional na PUC-SP, foi pesquisador no Center for Internet and Society da Stanford Law School e coordenou o Centro de Tecnologia e Sociedade (CTS) da FGV DIREITO RIO. A conversa tratou das implicações do chamado direito ao esquecimento para a liberdade de expressão, para a memória coletiva, para a privacidade e para a reputação das pessoas. Moncau também tratou da desindexação de informações nos mecanismos de busca e seus perigos para a liberdade de expressão. Luiz Moncau acaba de lançar o livro Direito ao Esquecimento: entre a liberdade de expressão, a privacidade e a proteção de dados pessoais, pela Revista dos Tribunais.

Tecnopolítica #50: Tecnologia e Racismo

Assine a nossa newsletter em http://bit.ly/newstecnopoliticannO podcast Tecnopolítica chegou ao episódio 50! Há 1 ano e meio, postamos nosso primeiro episódio e partimos para desvelar os condicionamentos, as determinações e as ambivalências políticas, econômicas e sociais presentes nas tecnologias. Foram diversas convidadas/os que contribuíram com nossas reflexões e aprendizados nesse período. Estamos muito felizes por termos iniciado e mantido essa jornada de enfrentamento da alienação técnica.nNeste episódio, recebemos a filósofa e militante do movimento negro, Sueli Carneiro, para discutir com o pesquisador, Tarcízio Silva, o tema da tecnologia e do racismo. Ao longo do bate-papo, passamos do debate da ambivalência das tecnologias para o racismo ampliado pelos sistemas algorítmicos. Como bem lembrou Sueli Carneiro, a ciência moderna tem em sua origem a prática do racismo. A base do pensamento universal do europeu colonizador excluía os povos africanos e as diversas cosmologias ameríndias e asiáticas. Mas e as tecnologias atuais? O Big Data? As estruturas de dados? Elas são neutras? Em um planeta estruturalmente racista, a neutralidade não estaria reproduzindo e até ampliando as discriminações baseadas na cor da pele e nas etnias? Essas são algumas das perguntas que levantamos e começamos a tentar responder no episódio 50.

Tecnopolítica #49: Tecnologias da desinformação e o populismo digital

Neste episódio, a pesquisadora Letícia Cesarino, antropóloga e professora da UFSC, conversa com Sergio Amadeu sobre o ecossistema de desinformação nas eleições de 2018 e sobre o populismo digital. Leticia Cesarino estudou o conteúdo da memética bolsonarista principalmente no Whatsapp. Desvendando o design dos memes, inspirada na cibernética, Letícia Cesarino fala dos padrões aplicados pela estratégia da extrema direita. A conversa caminhou para a análise da relação entre populismo digital e o neofascismo tecnológico.