Neste episódio, Sergio Amadeu conversou Débora Sirotheau, diretora jurídica da Fenadados, presidenta da Sindpd do Pará e indicada pela CUT para uma das vagas do setor laboral no Conselho Nacional de Proteção de Dados e Privacidade. A conversa girou em torno da entrega dos dados dos funcionários públicos federais para a IBM que os hospedará nos Estados Unidos. Foram analisados os riscos e a legalidade do aplicativo SouGov diante da LGPD. Débora Sirotheau alerta que os Estados Unidos não é um país adequado à nossa legislação. A União Européia que inspirou nossa lei de proteção de dados também desconsidera os EUA com legislação adequada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *