Neste episódio, Sérgio Amadeu conversa com Nelson Pretto, ativista e professor da Universidade Federal da Bahia, sobre o avanço das plataformas tecnológicas como mediadoras da relação entre estudantes e educadores.O bate-papo percorre questões como: Quais são os problemas da submissão do processo de ensino-aprendizado às corporações? Elas são neutras? Oferecem interfaces e sistemas gratuitamente por solidariedade ou para manterem seus modelos de negócios baseados na coleta e na extração de padrões oriundos dos dados pessoais? Por que as educadoras e educadores são tão pouco críticos com as big techs? É possível hackear esses sistemas?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *